Fio de Sustentação PDO

Sem dúvida, um dos maiores avanços no tratamento do envelhecimento é o Fio de Sustentação PDO. Com a finalidade de promover um efeito lifting, ou seja, um efeito de sustentação dos tecidos sem corte, e com a segurança de um produto totalmente reabsorvível e biocompatível.
O fio é composto por uma substância que promove estímulo na produção de colágeno nos locais da aplicação, promovendo assim uma restauração natural dos tecidos e do formato da face e pescoço, além do efeito de elevação e sustentação imediatos.

O procedimento é realizado em consultório, com anestesia local apenas nos pontos de entrada do fio. O efeito lifting é imediato, natural e discreto, satisfazendo assim as tendências atuais e as necessidades das pessoas que não pretendem interromper suas atividades nem arriscar-mais elevados.

Este fio pode ser utilizado com a finalidade de melhorar o contorno facial, a flacidez cutânea, a linha do pescoço (papada), o sulco nasogeniano (bigode chinês), além de elevar o supercílio, dando um efeito rejuvenescedor global.

PDO
O material é produzido nos EUA com alto controle sanitário e é reabsorvido pelo organismo após a aplicação, em 18 a 24 meses.

Não é necessária nenhuma preparação especial antes do tratamento, mas tirar todas as possíveis dúvidas é altamente recomendável, assim como informar ao médico tratamentos que já tenha feito no local, principalmente uso de preenchedores não-absorvíveis e qualquer medicação de uso oral que esteja tomando.

Após a aplicação, o médico efetua uma leve compressão do tecido manualmente, a fim de obter o efeito de levantamento desejado. As extremidades do fio que não forem inseridas são cortadas sem que nenhuma ponta fique aparente. A quantidade de fios de sutura a serem aplicadas, depende da necessidade de cada paciente e da área a ser o tratada. Pode ser usado como um tratamento isolado ou combinado com preenchedores e toxina botulínica.

Após a aplicação, como em qualquer tratamento em que se utilize agulhas, podem ser observados leves inchaços, vermelhidão ou hematomas, mas que desaparecem dentro de alguns dias. Uma irregularidade na área tratada pode ser observada, com dobras na pele, mas que também acomoda e melhora dentro de quinze dias aproximadamente.

Recomendações:

Evite tratamentos dentários e/ou tratamentos que movimentem muito a área tratada nos 7 dias seguintes

Recomenda-se dormir de decúbito dorsal (barriga para cima) por 7 dias

Evite todos os esportes em que ocorra contato físico e que possa haver trauma na área durante as duas semanas seguintes

Se sentir dor, tome um analgésico de acordo com a recomendação e receita médica

Contraindicações:

Alergia aos componentes (o que não é comum)

Infecção no local a ser tratado

Doenças do colágeno como Lupus, Artrite reumatóide

Gestação